Em meio à pandemia, AB Colinas mantém trabalho socioambiental e vai distribuir cobertores ao FUNSSOL

Friday, May 22, 2020


Ciente das dificuldades impostas pela pandemia do novo Coronavírus, o COVID-19, que vem dificultando a arrecadação de roupas e acessórios devido aos riscos do contágio e se antecipando ao início do inverno, a AB Colinas, concessionária do Programa de Concessões Rodoviárias do Estado de São Paulo, manteve para 2020 o trabalho socioambiental que vem realizando nos últimos anos e vai distribuir 750 cobertores ao FUNSSOL (Fundo Social de Solidariedade) e/ou Secretarias de Ação Social e Cidadania das 17 cidades atendidas pelas rodovias que estão sob sua administração.

Para fazer com que o cobertor seja entregue ao cidadão em situação de vulnerabilidade antes da chegada do frio, a concessionária vai entregar os itens para os representantes de cada cidade entre os dias 26 e 28 de maio. Assim, cada entidade terá praticamente um mês para fazer a distribuição antes do início do inverno, que começa no dia 21 de junho.

Essa ação é resultado da responsabilidade e compromisso socioambiental do Grupo AB Concessões, do qual a AB Colinas faz parte, que reciclou os uniformes antigos antes utilizados por seus colaboradores e os transformou em cobertores reciclados. A doação será feita para as cidades de Boituva, Cabreúva, Campinas, Cerquilho, Indaiatuba, Itu, Itupeva, Jundiaí, Piracicaba, Porto Feliz, Rio Claro, Rio das Pedras, Saltinho, Salto, Sorocaba, Tatuí e Tietê que são abrangidas pelas rodovias que são administradas pela empresa.

Neste ano, para garantir a proteção dos colaboradores da empresa e representantes das cidades, visando o combate ao COVID-19, a entrega será feita em dois locais durante três dias, em espaços arejados e sem aglomeração de pessoas. A equipe da AB Colinas estará munida de máscaras, óculos e utilizando álcool em gel para a higienização das mãos em todas as entregas e os funcionários que farão a retirada foram orientados a utilizar a máscara de proteção.

Produzidos e transportados antes do início da pandemia do novo Coronavírus no Brasil, os cobertores foram entregues embalados à concessionária, aumentando a proteção das peças.